Bolsa de Investigação em Mieloma Múltiplo no valor de 15 mil euros

As candidaturas para a 6.ª edição da Bolsa de Investigação em Mieloma Múltiplo estão abertas. Esta é uma iniciativa da Associação Portuguesa Contra a Leucemia (APCL) e da Sociedade Portuguesa de Hematologia (SPH), com o apoio da Amgen Biofarmacêutica. A Bolsa de Investigação, no valor de 15 mil euros, tem como objetivo promover e premiar projetos de investigação nacional que contribuam para o progresso do conhecimento científico e estado da arte numa doença hemato-oncológica rara, sem cura até ao momento – o Mieloma Múltiplo. As candidaturas estão abertas de 06 de maio a 15 de setembro do corrente ano.

Os projetos de investigação apresentados podem ser realizados por investigadores nacionais ou estrangeiros com exercício em instituições portuguesas, sendo encorajada a colaboração e parceria entre várias instituições, bem com a interdisciplinaridade. Todas as candidaturas devem ser enviadas para o seguinte e-mail: bolsas@apcl.pt, até às 24 horas de dia 15 de setembro de 2024.

De acordo com Manuel Abecasis, presidente da APCL, «é com grande entusiasmo que lançamos esta 6.ª edição da Bolsa de Investigação em Mieloma Múltiplo. As equipas de investigação têm demonstrado bastante interesse pelo que estamos expectantes em relação ao número de candidaturas que vamos receber, mas também em relação aos projetos. As edições anteriores têm elevado a fasquia, com projetos inovadores ao nível da investigação e do tratamento, com impacto nas necessidades não atendidas dos doentes».

Segundo Maria Gomes da Silva, presidente da SPH «é fundamental continuar a apostar na investigação nacional e o contributo desta bolsa para o desenvolvimento dos projetos distinguidos tem sido visível e muito importante. O mieloma múltiplo é uma patologia hemato-oncológica rara e até agora incurável, pelo que é muito relevante toda a investigação que possa contribuir para uma deteção atempada, um tratamento mais eficaz, um progresso na caracterização da doença e uma melhoria da qualidade de vida dos doentes. Acreditamos no verdadeiro impacto destes projetos

«A Bolsa de Investigação em Mieloma Múltiplo vai na sua 6ª edição, uma longevidade que reflete a qualidade dos projetos que têm sido apresentados e o impacto que têm significado ao nível da investigação. Queremos continuar a contribuir para que novas soluções possam melhorar os cuidados prestados aos doentes com mieloma múltiplo, com impacto na gestão da sua doença e qualidade de vida», refere Tiago Amieiro, diretor-geral da Amgen Biofarmacêutica.

Todos os projetos submetidos serão avaliados por um júri idóneo, composto por peritos de reconhecido mérito em investigação científica e experiência profissional e/ou académica em hemato-oncologia em Portugal e/ou internacional, nomeado pela APCL e SPH. O regulamento da bolsa de investigação em Mieloma Múltiplo pode ser consultado nos sítios dos parceiros.

O Mieloma Múltiplo é a segunda neoplasia hematológica mais frequente em Portugal com cerca de 544[1] novos casos por ano. Esta patologia tem uma grande incidência a partir dos 50 anos e apresenta sintomas inespecíficos, por vezes desvalorizados, sendo o diagnóstico atempado fundamental para maximizar os resultados em saúde nestes doentes.

[1] Registo Oncológico Nacional 2018, disponível AQUI

MORADA
Rua Hermínia Silva nº 8 LJ A, Jardim da Amoreira
2620-535 Ramada

CONTACTOS
GESTÃO DE PROJETOS:
Cátia Jorge - 926 432 143 | Ricardo Gaudêncio - 966 097 293

EMAIL
geral@raiox.pt