Amgen Portugal e Fundação Amgen apoiam ativamente o combate à COVID-19

A Amgen, através da Amgen Foundation, juntou-se ao movimento #euajudoquemajuda – Unidos Contra a COVID-19, da Cruz Vermelha Portuguesa para, através de um donativo de 27 mil euros, adquirir material e equipamento necessário para quem está na linha da frente e para ajudar outras pessoas que necessitam de apoio nesta fase de pandemia.

O fundo angariado será usado pela Cruz Vermelha Portuguesa para adquirir alimentos, equipamento de proteção individual, cobertores para o transporte de doentes, camas de campanha, ventiladores, monitores desfibrilhadores para transporte de doentes críticos, zaragatoas, entre outros. Para além disso, o mesmo fundo da Amgen Foundation está a ser utilizado para responder a vários pedidos de donativos ao nível nacional, não só relacionados com o apoio a instituições de saúde, mas também outras entidades sem fins lucrativos, que estão a viver grandes dificuldades financeiras devido à crise provocada pela COVID-19.

“Na Amgen soubemos desde o início a importância de contribuir para a nossa comunidade através do apoio à área da saúde para combater a COVID-19 e à assistência às comunidades mais afetadas por esta pandemia. Temos esperança que através dos contributos quer da Amgen Foundation, quer da Amgen em Portugal, ajudemos quem está na linha da frente ou quem está mais vulnerável e necessita de maior ajuda devido a esta pandemia, como é o caso, por exemplo, dos profissionais de saúde e dos idosos em lares”, refere Tiago Amieiro, “Como Diretor-Geral, não posso deixar de estar satisfeito, da forma como indiretamente também estamos a contribuir para um bom resultado das medidas das nossas Autoridades de Saúde e do Governo, pois precocemente colocámos e vamos manter até final de junho todos os nossos trabalhadores em casa em teletrabalho, porque também apesar de todos os constrangimentos à escala global mantemos a nossa produção e o nosso fornecimento de medicamentos sem roturas de abastecimento e finalmente, porque mantivemos todos os postos de trabalho do nosso staff sem recorrer a lay-off”.

Em Portugal, a Amgen tem desenvolvido várias ações locais na luta contra a pandemia como é o caso de autorizar e incentivar a que os trabalhadores, por sua iniciativa, despendam uma parte do seu horário de teletrabalho em ações de voluntariado nas comunidades em que estão inseridos, sem redução da sua remuneração mensal. Para além disso, os próprios trabalhadores da Amgen em Portugal, por sua iniciativa individual, decidiram solidariamente doar o valor dos seus subsídios de almoço, a alguns lares de idosos que solicitaram ajuda para o combate a COVID-19.

A Fundação Amgen tem também apostado em programas educativos online e gratuitos na área da ciência, disponíveis para estudantes de todo o mundo, enquanto as escolas estão fechadas. O Conselho da Fundação aprovou um grande investimento, cerca de 16,4 milhões de dólares, na Amgen Biotech Experience (ABE), para 2020-2023. O intuito é nos próximos três anos envolver mais 350 mil estudantes. Através do LabXchange, um dos programas educativos, os professores e alunos podem recorrer aos laboratórios virtuais da ABE. Desde o lançamento em janeiro, o LabXchange já tem mais de 300 mil utilizadores no mundo. Para além deste programa foi ainda lançada a “Khan Academy’s” que é uma plataforma online de e-learning onde também estão disponíveis conteúdos e ferramentas para ajudar os estudantes a continuar a sua aprendizagem na área da ciência. A Khan Academy aumentou a sua oferta em biologia com o apoio da Fundação Amgen, para mais de 300 vídeos, 80 grupos de exercícios e 195 artigos. Ambas as plataformas estão disponíveis para os alunos e outros interessados em Portugal.


MORADA:

Rua Hermínia Silva nº 8 LJ A, Jardim da Amoreira
2620-535 Ramada

geral@raiox.pt