Associação Protectora dos Diabéticos de Portugal (APDP) debate o futuro da diabetes amanhã

Dia 20 de maio a associação celebra o seu 91º aniversário com o Grande Encontro APDP, no Centro Olga Cadaval, em Sintra. O evento começa às 10h30 e promete um dia memorável para todos os doentes diabéticos e para as suas famílias.

De acordo com José Manuel Boavida, presidente da APDP, “nos dois últimos anos, a diabetes tem registado um crescimento acentuado em Portugal. Em média, matou 12 pessoas por dia, 160 pessoas são diagnosticadas e 500 são internadas. Para que a doença não se torne uma epidemia consideramos importante que haja uma aproximação entre os cuidados hospitalares e os cuidados primários”.

“Nos dois últimos anos, a diabetes tem registado um crescimento acentuado em Portugal. Em média, matou 12 pessoas por dia, 160 pessoas são diagnosticadas e 500 são internadas. Para que a doença não se torne uma epidemia consideramos importante que haja uma aproximação entre os cuidados hospitalares e os cuidados primários”

Por isso, o encontro vai promover espaços de debate que vão incidir sobre a importância das novas tecnologias para facilitar a rotina do diabético, a relevância dos cuidados primários, a ação dos cuidadores, entre outros.

A primeira sessão, sobre a invisibilidade da doença, será dinamizada pelo presidente da APDP e depois, durante o dia, será discutido o presente da Diabetes tipo 2 e o futuro da Diabetes tipo 1, sendo que ambas as sessões vão ser moderadas pelo diretor clínico da associação, João Filipe Raposo.

A doença atinge já um milhão de portugueses e para o seu aparecimento contribuem fatores como o excesso de peso e a falta de exercício físico. Por isso, este ano, a promoção da atividade física vai ser um dos destaques: o evento vai iniciar com uma aula de exercício do treinador Rui Barros, às 11h.

A doença atinge já um milhão de portugueses e para o seu aparecimento contribuem fatores como o excesso de peso e a falta de exercício físico. Por isso, este ano, a promoção da atividade física vai ser um dos destaques: o evento vai iniciar com uma aula de exercício do treinador Rui Barros, às 11h

Outros momentos descontraídos não vão faltar: uma sessão de cozinha com o Chefe Caeiro e a nutricionista Margarida Barradas, um momento de fado com os fadistas António Pinto Basto e Matilde Cid e os músicos Dinis Lavos e Jaime Santos, e a fechar o dia, um concerto do imitador de vozes Fernando Pereira.

Vai ser atribuído o Prémio Ernesto Roma e vão ser também homenageadas pessoas com 50 ou mais anos de diabetes. A entrada é gratuita e inscrição pode ser feita através do número 21 381 61 51 ou para o email encontro@apdp.pt.

 

Para mais informações consulte o programa aqui:

https://www.apdp.pt/images/com_arismartbook/download/47/GrandeEncontro-APDP_ProgramaV2.pdf

 

 

 

 

 

 

 

 

vai incluir uma aula de exercício com o treinador Rui Barros,


MORADA:

Rua Hermínia Silva nº 8 LJ A, Jardim da Amoreira
2620-535 Ramada

geral@raiox.pt