BI Award 2023 premeia projetos na área da sustentabilidade para um futuro comum

O BI Award for Innovation in Healthcare está de volta, com uma 2.ª edição que pretende distinguir projetos inovadores capazes de contribuir para a otimização dos serviços e cuidados de saúde em Portugal, desta vez sob o tema “Sustentabilidade para um futuro comum”.

O objetivo desta iniciativa é dar visibilidade a ideias e projetos que contribuam para uma otimização das diferentes áreas orgânicas e funcionais do Serviço Nacional de Saúde (SNS). Quem se sentir inspirado pela vontade de mudar, pode enviar a sua candidatura a partir de hoje e até 12 de agosto.

Na 1.ª edição do BI Award for Innovation in Healthcare, em 2021, reuniram-se mais de 100 candidaturas, cujo foco dos projetos foi a retoma dos níveis assistenciais na prestação de cuidados de saúde, na sequência das quebras associadas à pandemia.

Em 2023, o tema recai sobre os muitos desafios que se colocam a todo o sistema de saúde, por forma a cumprir as expectativas e necessidades sociais, melhorar os resultados em saúde e a qualidade de vida dos Portugueses, num quadro operacional que deve procurar garantir a sua sustentabilidade, atual e futura.

“O BI Award 2023 é uma forma positiva e concreta encontrada pela Boehringer Ingelheim para apoiar o sistema de saúde, sempre em linha com a nossa missão de ‘criar valor através da inovação’.” Vanessa Jacinto, Head of Market Access & Public Affairs da Boehringer Ingelheim Portugal acrescenta ainda que a aposta nesta iniciativa pretende inspirar ”projetos que se alinham com a missão de dar a todos os portugueses o direito à saúde e contribuir para a sua qualidade de vida. O SNS é o pilar central da saúde dos portugueses e, dessa forma, faz-nos todo o sentido promover uma iniciativa que apoia a implementação de projetos que possam colmatar as necessidades do SNS, de forma sustentável.”

“A missão da Ordem dos Médicos é promover a excelência da Medicina e garantir os melhores cuidados de saúde à população. A inovação desempenha um papel fundamental nesse propósito, impulsionando melhorias que têm verdadeiramente impacto na vida das pessoas. Associamos-nos, pois, com muito entusiasmo à Boehringer Ingelheim e ao BI Award 2023, com o objetivo de encontrar projetos que façam a diferença no tratamento dos utentes e que construam um futuro mais promissor para cuidados de saúde de excelência.”, refere Carlos Cortes, Bastonário da Ordem dos Médicos.

Os projetos candidatos devem ter como temas ou áreas os pilares-chave definidos para este prémio:

  • Sustentabilidade do Sistema de Inovação – Novas soluções que garantam uma vida mais longa e saudável, o que pode passar por encontrar métodos para prevenir doenças, melhores soluções de diagnóstico, terapias mais eficazes, abordagens de medicina personalizada e tecnologias de saúde inovadoras. O envelhecimento da população, o aumento da prevalência das doenças crónicas e as alterações aos fatores ambientais externos, são problemáticas atuais que devem ser resolvidas para que se garanta a sustentabilidade.
  • Sustentabilidade dos Modelos de Prestação de Cuidados de Saúde– O nível crescente de procura por cuidados de saúde tem tornado mais premente a necessidade de inovação no modelo assistencial. Aqui, podem explorar-se soluções para desburocratização dos modelos de organização, soluções virtuais ou realidade aumentada para prestação de cuidados e sugestões para hospitalização domiciliária entre outras.
  • Sustentabilidade na adoção de Inovação Tecnológica e Digital – A saúde digital é uma das grandes áreas de inovação na saúde, um processo que se espera poder culminar na transformação digital de todo o ecossistema, mas que depende também da sua eficaz implementação e sustentabilidade. No que diz respeito às áreas de atuação, podem ser de soluções de Computação na Nuvem a soluções na área de Big Data e Inteligência Artificial (IA), entre outras.
  • Sustentabilidade centrada no utente – A adoção de inovação tecnológica acelerou a determinação dos doentes para se tornarem mais ativos e comprometidos com a gestão da sua saúde e qualidade de vida, pelo que neste pilar o que se procura são soluções que reforcem comportamentos que favoreçam estilos de vida saudáveis e qualidade de vida, que ajudem os utentes na gestão da doença e adesão à terapêutica, ou soluções de partilha de informação sobre a situação clínica do doente/utilizador, entre outras.
  • Sustentabilidade Ambiental – As atividades do sistema de saúde impactam significativamente o meio ambiente. Encontrar alternativas que reduzam este impacto sem comprometer a qualidade da prestação de cuidados de saúde representa um desafio considerável, para o qual se procuram soluções ao nível da educação de profissionais de saúde sobre alternativas com baixa pegada de carbono, da poupança energética e da promoção da segurança química, entre outras.

As 12 equipas selecionadas na fase de candidatura terão a oportunidade de, durante 48h, num formato de hackathon, que vai decorrer em outubro, serem acompanhadas por mentores especializados, num modelo colaborativo que lhes irá permitir abordar problemas sobre um dos temas acima, desenvolvendo soluções e apresentar o projeto (pitch) a um júri de renome, que será responsável pela sua avaliação e escolha das três equipas vencedoras.

Estas irão receber um prémio de valor monetário: o 1ª prémio será no valor de 20.000,00€, o 2º prémio o valor de 10.000,00€ e, por último, a equipa que ganhar o 3º prémio terá uma recompensa de 5.000,00€. A 2ª edição traz ainda uma inovação:  cada equipa que chegar até à fase do hackathon receberá o valor de 1.000,00€. A iniciativa pretende integrar os projetos vencedores num ecossistema adequado à sua aplicação, que permitirá a contribuição direta para a sociedade e a saúde dos portugueses. Os projetos vencedores serão conhecidos no evento final, que se realizará no dia 24 de novembro.

Para mais informações e candidaturas AQUI

MORADA
Rua Hermínia Silva nº 8 LJ A, Jardim da Amoreira
2620-535 Ramada

CONTACTOS
GESTÃO DE PROJETOS:
Cátia Jorge - 926 432 143 | Ricardo Gaudêncio - 966 097 293

EMAIL
geral@raiox.pt